Núcleo Softex Campinas lança projeto de capacitação em TI

Sem a qualificação da mão de obra, o Brasil terá um déficit de 270 mil profissionais de TI até 2024. Foto: Divulgação.

O Núcleo Softex Campinas (NSC) associação das empresas de software que atua em todo o Brasil – lança o Up Skill, um projeto de capacitação tecnológica, que tem o objetivo de preparar mão de obra especializada em tecnologia da informação para suprir a forte demanda de profissionais especializados neste setor. A iniciativa está em operação nos estados de São Paulo, Goiás e Paraná, mas a expectativa é ampliar a abrangência para todos os estados do País.

O projeto, que tem a plataforma Workover como a base tecnológica para a realização dos cursos, oferece uma série de trilhas de formação, cursos e conteúdos gratuitos voltados tanto àqueles que pretendem ingressar no mercado de trabalho, quanto quem está em busca de uma recolocação. O Up Skill é parte de uma iniciativa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, com coordenação da Softex nacional e realização do NSC, com a participação de várias outras instituições de ciência e tecnologia do País.

Os cursos oferecidos pelo programa capacitarão profissionais, tanto em soft skills como em hard skills, para atuarem em atividades de concepção, desenvolvimento, publicação, manutenção e evolução de produtos e sistemas de base tecnológica, não somente em empresas que desenvolvem software, mas também em qualquer tipo de empresa que demande profissionais da área de sistemas e computação. Isso inclui, mas não se limita, a profissionais de suporte técnico a sistemas, desenvolvimento de software, suporte a sistemas críticos, implementação e manutenção de sistemas, dentre outras especialidades.

A iniciativa também reúne empresas parceiras em suas diferentes praças de atuação, que contribuem para a formação dos conteúdos de acordo com as especialidades que são demandadas naquele mercado. Os currículos daqueles que concluem os cursos ficam disponíveis às empresas parceiras, para que possam avaliar e, eventualmente, contratar estes profissionais.

De acordo com o diretor executivo do NSC, Núcleo Softex Campinas, e responsável pela gestão do projeto, Edvar Pera Jr, o Up Skill chega para atacar um problema crônico para as empresas de TI brasileiras, que é a falta de mão de obra especializada. Segundo a Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom) e a consultoria IDC, se nada for feito, o Brasil terá um déficit de 270 mil profissionais de TI e uma perda de receita estimada em R$ 167 bilhões até o ano de 2024.

“A falta de mão de obra trava o crescimento das empresas brasileiras de tecnologia da informação e dificulta todo o processo de retomada da economia e transformação digital do país. O Up Skill nasce como um programa de abrangência nacional alinhado com as demandas definidas pelas empresas, tanto em termos de soft skill como de hard skill, contribuindo para diminuir o déficit de mão de obra técnica e também dar acesso a jovens e adultos que buscam formação”, explica.

 

Please follow and like us:
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
cropped-logo-1.png
TecnoInforme. 2020 © Todos os direitos reservados. Design by Renato Garcia
RSS
Follow by Email